Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Antigas > Cade apresenta Peer Review no Fórum Global de Concorrência da OCDE

Notícias

Cade apresenta Peer Review no Fórum Global de Concorrência da OCDE

OCDE

Análise do SBDC foi tema de debate
por Assessoria de Comunicação Social publicado: 04/03/2010 10h00 última modificação: 07/03/2017 14h06

Entre os dias 15 e 19 de fevereiro aconteceram sucessivamente, em Paris, as reuniões do Comitê de Concorrência e do Fórum Global de Concorrência, ambos organizados pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). O Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência (SBDC) enviou representantes de seus três órgãos (CADE, SDE e SEAE) para participarem das discussões que fizeram parte do evento.

Os dirigentes das três autoridades do SBDC estiveram presentes nas reuniões da OCDE com a finalidade primordial de participarem da apresentação do Peer Review ao qual o SBDC se submeteu no último dia 18 de fevereiro de 2010 junto a Organização.

O Peer Review é uma análise, feita pela OCDE, da atuação dos órgãos de concorrência. Com o relatório foi possível obter conclusões sobre o funcionamento dos órgãos e a partir disso, sugerir melhorias na condução dos procedimentos, estrutura e políticas adotados por essas autoridades. Diversas recomendações feitas pela OCDE no Peer Review de 2005 foram incorporadas ao Projeto de Lei 06/09, que reformula o SBDC, e atualmente está em análise pelo Senado Federal.

Durante a apresentação do Peer Review, o Consultor Sênior da OCDE, John Clark, elogiou o expressivo progresso do SBDC, enfatizando que o programa de combate a cartéis do SBDC é amplamente admirado não só na América Latina, como em outras regiões. O Consultor também destacou a necessidade de se agilizar o processo de tomada de decisões, que acaba interferindo na conclusão das investigações, tornando-as muito longas. Para este fim, ressaltou a importância da aprovação do projeto de lei que reforma e moderniza o SBDC, dotando-o de maior celeridade e eficiência.

O Comissário da Federal Trade Commission (FTC), William Kovacic, elogiou a capacidade de evolução do SBDC nos últimos anos. Já o Diretório-Geral de Concorrência da Comissão Européia elogiou as iniciativas criativas adotadas pelo SBDC, relacionadas inclusive à advocacia da concorrência, que testemunhou com interesse quando da visita da Comissária da Concorrência Neelie Kroes ao Brasil, em outubro de 2009.

No que tange à América Latina, os representantes de El Salvador afirmaram que o Cade é exemplo e mentor e a ser seguido por sua autoridade de defesa da concorrência, e o México elogiou a apresentação do funcionamento e evolução do SBDC pelas autoridades brasileiras durante o peer review, que lhe proporcionou valiosas lições.

Grande parte das recomendações constantes do peer review da OCDE - dentre as quais se destacam a necessidade da instituição de um sistema de notificação prévia de fusões, a consolidação das funções das três autoridades do SBDC em um único órgão e a criação de um corpo técnico permanente e ampliado para atender à demanda crescente enfrentada pelo SBDC - já se encontram abordadas pelo Projeto de Lei 06/09. Foi consenso geral, durante a apresentação do peer review do Brasil no Fórum Global de Concorrência da OCDE, a necessidade de se promulgar este Projeto de Lei.