Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Concursos e Seleções > Consultoria - vagas concluídas > Cade seleciona consultor para atuar em projeto de compras públicas no âmbito da OCDE

Notícias

Cade seleciona consultor para atuar em projeto de compras públicas no âmbito da OCDE

Consultoria

Para se candidatar, é necessário ter fluência em inglês e formação superior em qualquer área. Inscrições vão até 02 de março
por publicado: 18/02/2020 18h58 última modificação: 18/02/2020 18h58

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) abriu processo seletivo para contratar técnico especializado em matéria de defesa da concorrência e organismos internacionais, com foco no projeto Competition Review of Brazil’s Public Procurement Regime. Para participar da seleção é necessário ter fluência em inglês comprovada e formação superior em qualquer área.

A contratação destina-se à prestação de serviços à Assessoria Internacional da autarquia, fornecendo subsídios para aperfeiçoar os processos de planejamento e implementação do projeto sobre revisão concorrencial do regime de compras públicas no Brasil, que será realizado em parceria com a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

De acordo com o superintendente-adjunto do Cade, Diogo Thomson de Andrade, o projeto reflete o compromisso contínuo da autarquia em aprimorar as técnicas de repressão de práticas anticompetitivas, bem como o crescente reconhecimento internacional da autoridade da concorrência brasileira, que se tornou membro associado do Comitê de Concorrência da OCDE em 2019.

Nesse sentido, Andrade destaca que a iniciativa visa o combate preventivo de cartéis em licitações por meio da revisão do quadro regulatório brasileiro de contratações públicas sob a perspectiva concorrencial, a fim de adequá-lo às recomendações da OCDE. Além disso, o projeto prevê a capacitação de funcionários públicos sobre o desenvolvimento eficaz de licitações e a detecção de fraudes concorrenciais nesses processos, o que favorece a prevenção de cartéis e a notificação prática ao Cade.

“Há, assim, uma abordagem mais holística da defesa da livre concorrência em um esforço colaborativo com outros órgãos nacionais, em benefício da Administração Pública e da competitividade de suas contratações. Desse modo, a oportunidade de participar do projeto por meio da consultoria técnica é uma oportunidade de atuar em contato a OCDE e todos os órgãos chave relacionados às contratações públicas bem como produzir subsídios para a tomada de decisões da alta gestão do Cade e do governo brasileiro”, avaliou.

Inscrições

Os interessados devem enviar currículo e carta de apresentação, conforme especificado no termo de referência, para o e-mail até o dia 02 de março de 2020. No campo “assunto” da mensagem, indicar o código “Consultoria OCDE – [nome do candidato]”.

O processo seletivo será por meio de análise curricular e entrevista. Serão automaticamente desclassificados os candidatos que não possuam a qualificação mínima prevista no termo de referência.

A consultoria tem início previsto para 30 de março de 2020 e término em 29 de março de 2021.